JURA EM PROSA E VERSO

RECEITAS DE DAR ÁGUA NA BOCA

Tacacá

 

O tucupí, o ingrediente mais conhecido, é um caldo extraído da mandioca (tipo de raiz), considerado venenoso se ingerido crú, porém, fervido e temperado, dá um sabor especial aos pratos mais famosos da culinária paraense.

2 litros de tucupí

4 dentes de alho

1 colher de chá de sal

4 pimentas de cheiro

4 maços de jambú

1/2 kg de camarão salgado (seco)

1/2 xícara de goma de mandioca

Pimenta de cheiro

 

  Coloque em uma panela o tucupí, tempere com alho, chicória, alfavaca e sal, leve ao fogo e deixe levantar a fervura. A seguir baixe o fogo, tampe a panela e deixe cozinhar por 30 minutos.

Cozinhe o jambu em água quente, deixe cozinhar até os talos ficarem macios, retire e escorra, deixe reservado. Retire a cabeça do camarão e deixe de molho em uma vasilha com água para retirar o sal. Ferva 4 xícaras de água com sal a gosto, dissolva a goma em uma vasilha com água fria, acrescente ao poucos na água fervendo, até ficar um mingau grosso, ou, ao ponto de sua preferência.

Sirva em uma cuia nesta seqüência: duas colher de sopa de tucupí, uma concha de goma, uma concha de tucupí, algumas folhas de jambú e 5 camarões, sal e pimenta a gosto.

Na falta da goma de mandioca pode ser usada o polvilho azedo.

Indicação: 6 a 8 porções