JURA EM PROSA E VERSO

POESIAS E TROVAS POPULARES

SONETO PARA ADNA CARLA (Arethusa Viana para sua filha, a princesa Adna Carla)

 

Em algum lugar do mundo, do inesperado, foi gerada,

Nos propósitos de Deus, para o meu amor materno.

Ei-la que chega luminosa, anjo por nós tão amada,

corações se uniram para um bem querer eterno !

 

Pedacinho do coração dos novos pais, embevecidos,

Anjo belo, pequenino, com tanta graça e candura !

Presente do Pai Supremo, para nós, agradecidos,

Que trouxe às nossas vidas, a paz e a ternura !

 

Tê -la nos braços, desperta ou adormecida

é sentir no coração o pulsar de uma vida,

Que acende em nós, a chama da esperança...

 

Esperança, de que este mundo em convulsão,

Sinta a serenidade de "parir" com o coração,

E a radiosa felicidade de amar tanto uma criança !!!