JURA EM PROSA E VERSO

POESIAS E TROVAS POPULARES

Hoje ao acordar (Armando Souza)


Hoje ao acordar sem dor, vi pela janela o sol raiar
Abri a cortina era lindo o sol como linda menina
Lampejos de alegria me fez rir e da coma saltar
Fui beijar a esposa e demostrar-lhe toda a estima

Haverias de ver os olhos desse meu anjo a brilhar
Senti seu coração doce a saltar de prazer e alegria
Braços aperta-me lábios cheios de afecto a beijar
Minha mente encontrava na esposa mais poesia

Fui tomar chuveiro lavar todos os meus sonhos
Corpo arrepiava, sentia mansinho passar o sabão
A sensação diferente do viver sonhos medonhos
Melodiosos instantes, sentia gozo o meu coração

No momento era impossível ao amor dar prazer
Minha filha e neto estavam para chegar e entrar
Os olhos desfaziam-se em promessas do querer
Ficamos com a sensação, momentos vão chegar

Fui ver o correio. o anjo de minha alegria me espera
Com um beijo virtual me saudou, disse até loguinho
Sim, existe anjos, este para mim é uma primavera
Na minha mente mais um dia, grande alegria surgiu

Vi algum verde surgir da terra que á pouco era neve
O Jardim, os croucos saindo da terra em muitas cores
Beleza... Deus natureza, contesta-la quem se atreve
Assim a primavera chega com ela vem nossos amores

Por armando.sousa@sympatico.ca