JURA EM PROSA E VERSO

HISTÓRIA DAS CIDADES BRASILEIRAS

HISTÓRIA DA CIDADE DE PEDRÃO - BAHIA

Nossa História

 

HISTÓRICO DO MUNICÍPIO

 

No inicio do ano de 1745, o casal Francisco Ferreira de Moura e Maria Mendes Bezerra, chegaram nesta terra, que não se sabe a quem pertencia, e de imediato, construíram a primeira casa (Um Sobrado), o qual custou o sacrifício de cerca de trinta escravos. Aqui o casal teve os seguintes filhos; João Ferreira de moura, Padre André Ferreira de Moura, Eusébio Ferreira de Moura e Luiza Ferreira de Moura, sendo a optem Avó do Visconde de Aramai, Conde de Sergimirim, pai do Visconde de Oliveira. Em 1779, construíram a primeira capela do S.S. Coração de Jesus onde hoje se encontra o atual Cemitério. Neste mesmo ano, ordenou-se o Padre André, filho do casal, e que no ano seguinte veio para o Município como vigário. Em 1782, iniciaram a construção da Igreja Matriz do S.S. Coração de Jesus e mais dois sobrados, sendo um deles construído por Miguel Mendes, que também fez o primeiro plantio de cana - de- açúcar na região da Fazenda Iaçú até a Fazenda América, e prosseguindo, ele ainda construiu dois grandes engenhos de açúcar: um na Fazenda América, em 1783 e outro na Fazenda Iaçú, em 1803 respectivamente. Nesta mesma época surgiu a família Sampaio que construiu mais três sobrados e fez outro grande plantio de cana-de-açúcar nas Fazendas Lagoa de Cabaça e Eldorado, onde também construiu outro engenho que foi inaugurado nos fins de 1805. A esse aglomerado de casas se atribuiu à quem, deram o nome de Arraial de S.S. Coração de Jesus. Conta-nos uma história verbal, popular, que o Arraial nasceu de uma promessa feita pela antiga proprietária das terras, que certo dia ela saiu a cavalgar, e, nessa cavalgada o seu animal saiu em disparada, e que a sua promessa foi a de construir uma capela onde o animal parasse. Outra história popular, também nos conta a origem do nome de PEDRÃO; Um caçador de nome Raimundo Alves descobriu que o Arraial estava edificado sobre uma pedra, e daí o nome Pedrão foi sendo popularizado, até que os moradores o adotaram, ficando o S.S. Coração de Jesus como o seu Padroeiro.