JURA EM PROSA E VERSO

DINÂMICAS DE GRUPO

COMO VAI A SUA AUTO-ESTIMA?

Categorias: - Confiança

Objetivos: Introduzir o assunto da auto-estima.

Nº de Participantes:

Não há limites

Material: Folhas de papel para cada participante.

Desenrolar: O facilitador questiona aos participantes do grupo se alguém sabe o que é "auto-estima". Se ninguém souber, explica que a auto-estima é a forma como uma pessoa se sente a respeito de si mesma, e que a mesma está estreitamente relacionada com nossa família e nosso meio ambiente. O facilitador enfatiza ainda ao grupo que, a cada dia, enfrentamos situações que afetam o modo como nos sentimos a respeito de nós mesmos, como por exemplo: se brigarmos com nossos pais ou se um amigo nos critica, isso pode prejudicar nossa auto-estima.

Entrega-se uma folha de papel para cada participante, explicando que este representará a sua auto-estima. O facilitador informa que irá ler uma lista de situações que podem ocorrer, ocasionando prejuízo à nossa auto-estima.

A cada frase lida cada participante deverá arrancar um pedaço da folha de papel, na mesma proporção em que essa situação afetaria a auto-estima. Dá-se um exemplo: leia a primeira frase, rasgue um pedaço de sua própria folha de papel, dizendo: "Isso me afeta muito, ou isso não me afeta muito".

O facilitador inicia então a leitura das frases que julgar adequadas, ou cria suas próprias frases.

Ao terminar a leitura das frase explica-se que agora cada um irá recuperar a auto-estima, informando que reconstituirão sua auto-estima aos pedaços também. Comenta-se os pontos de discussão.

Observação: Certificar-se de haver a mesma quantidade de frases para reforçar a auto-estima e para enfraquecê-la. Pode-se adaptar ou criar frases, de forma que reflitam o mais fielmente possível as situações vividas pelos participantes em seu dia-a-dia.

Afetar a auto-estima: "imagine que, na última semana, aconteceu o seguinte..." Uma briga com seu/sua namorado Seu chefe ou seu professor criticou seu trabalho

Um grupo de amigos íntimos não o convidou para um passeio Seu pai ou sua mãe o chamou de malcriado

Um amigo revelou um segredo que você contou a ele

Surgiu um boato sobre sua reputação

Seu/sua namorado o deixou por causa de outro

Um grupo de amigos zombou de você por causa de sua roupa ou de seu penteado

Você tirou péssimas notas numa prova, ou fracassou no trabalho

Seu time de futebol perdeu um jogo importante

Um/uma menino/a de quem você gosta recusou um convite para sair com você

Recuperar a auto-estima: "imagine que, na última semana, aconteceu o seguinte..."

Algum colega de trabalho ou da escola pediu seus conselhos sobre um assunto delicado

Um rapaz/uma moça de quem você gosta convidou-o para sair

Seu pai ou sua mãe lhe disse que gosta muito de você

Você recebeu uma carta ou um telefonema de um amigo

Você tirou boas notas numa prova, ou se saiu bem em seu trabalho.

Um rapaz/uma moça aceitou seu convite para sair

Seu time ganhou um jogo importante

Seus colegas da escola o escolheram como líder Você ganhou uma bolsa de estudos

Seu/sua namorado mandou-lhe uma carta de amor

Todos os seus/suas amigos elogiaram sua roupa ou seu penteado

Sugestões para reflexão:

Todos recuperaram sua auto-estima?

Qual foi a situação que mais afetou sua auto-estima?

Por quê?

E qual causou menos danos?

Qual foi a situação mais importante na recuperação da auto-estima?

Que podemos fazer para defender nossa auto-estima quando nos sentimos atacados?

Que podemos fazer para ajudar nossos amigos e familiares quando sua auto-estima está baixa?

Crie alguns pontos de discussão para as perguntas que surgirem.

Atividades Opcionais:

Peça aos participantes que façam uma lista sobre como reagiriam a situações que afetassem sua auto-estima, como poderiam se defender do efeito que essas situações pudessem causar.

Peça aos participantes que elaborem uma lista, durante um dia, sobre coisas ou fatos que melhoraram sua auto-estima, e que apresentem suas listas em pequenos grupos.