JURA EM PROSA E VERSO

AMOR -AMOR - AMOR - AMOR

PROVÉRBIOS SOBRE O AMOR

 

 

"O amor é cego, a amizade fecha os olhos"
"O amor, pede; a amizade, dá "
"A chaga do amor, quem a faz, a sara "
"A distância das moradias não desune o amor dos corações "
"A força do amor, somente se avalia quando o sentimos"
"Amar, é encontrar a própria felicidade na felicidade alheia"
"Amor com amor se paga"
"Deixa-se de amar, quando os sacrifícios custam; ama-se menos, quando se dá por eles"
"Deve temer-se mais o amor de uma mulher do que o ódio de um homem"

 


"É mais fácil evitar o amor quando ainda se não tem, que deixá-lo quando existe"
 
"Em amor, mais difícil é ocultar o que se sente do que o que se sabe"
"Em amor, não há último adeus, senão aquele que se não diz"
"Em amor, um rico presente vale mais que um belo discurso"
"Há uma espécie de amor que não passa de vaidade satisfeita"
"O amor deve ser cego"
"Não há amor como o primeiro"
"Ninguém se faz amar pela força ou pela violência"
"No amor, quem foge é que é o vencedor"
"Nos princípios amorosos, os desenganos prontos costumam ser remédios excelentes"
"Nunca ter desilusões no amor, é um privilégio dos imbecis"
"O amor mais constante que se conhece, é o do dinheiro"
"O amor é cego, mas vê muito ao longe"
"O amor morre mais de indigestão do que de fome"
"O amor não envelhece, morre criança"

 


"O amor não tem lei"
"O amor nasce da vista e vai ao coração"
"O amor olha de tal maneira que o cobre lhe parece ouro"
"O amor tudo satisfaz menos a fome"

 


"O amor tudo vence"

 


"Amor a quanto obrigas "